Polícia Militar participa do “Agosto Lilás”, campanha de enfrentamento à violência contra a mulher

As ações da campanha estão sendo coordenadas pela Patrulha Maria da Penha no Tocantins. Dentre as atividades previstas está o lançamento do aplicativo PMTO Mulher – Botão do Pânico.

Luana Barros/Governo do Tocantins

A Polícia Militar do Tocantins, sob a coordenação da Patrulha Maria da Penha (PMP), participa o “Agosto Lilás”, campanha de enfrentamento à violência doméstica e familiar contra a mulher, com o objetivo de intensificar a divulgação da Lei Maria da Penha, sensibilizar e conscientizar a sociedade sobre o tema. Esta é a primeira vez que a PMTO adere institucionalmente a campanha que ocorre nacionalmente desde 2016.

A Campanha foi lançada na instituição durante uma live no Instagram oficial da Patrulha Maria da Penha (@pmp_pmto), na noite de quarta-feira, 11, com o tema “Vivências e Desafios no Combate à Violência Doméstica Contra a Mulher que contou com a participação da Coordenadora Estadual da Patrulha Maria da Penha no Tocantins, capitão PM Flávia Roberta Pereira de Oliveira, e a ilustre presença da major da Polícia Militar da Bahia (PMBA) Denice Santiago, Superintendente de Prevenção à Violência da Secretaria de Segurança Pública da Bahia, que possui um trabalho reconhecido nacionalmente no combate à violência contra a mulher.

O “Agosto Lilás”, foi instituído no Tocantins por meio da Lei n.º 3637/2020, de autoria da Deputada Estadual Luana Ribeiro, e durante todo o mês de agosto são realizadas ações de conscientização para o enfrentamento à violência doméstica e familiar contra a mulher, bem como à divulgação da Lei Maria da Penha.

A PMTO, entendendo a importância da participação institucional na Campanha “Agosto Lilás”, realizará neste mês uma série de atividades preventivas e de conscientização, voltadas a seu público interno e externo como: Ações de orientação por meio da realização de lives e palestras; Evento de Lançamento do aplicativo PMTO Mulher – Botão do Pânico, em data a ser divulgada; Inclusão da disciplina de Atendimento à Ocorrência de Violência Doméstica Contra a Mulher no Curso de Formação de Praças; Entrega de viatura para a PMP; Realização de blitzes educativas/preventivas com panfletagem (distribuição de folders) nas principais ruas e/ou avenidas dos municípios tocantinenses; Participação na Operação Maria da Penha, desenvolvida em âmbito nacional pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública por iniciativa do Conselho Nacional de Comandantes-Gerais.

“O Agosto Lilás é uma campanha nacional criada em 2016, e foi instituída no estado do Tocantins por meio da Lei de autoria da Deputada Estadual Luana Ribeiro no ano de 2020. É uma campanha de extrema importância porque visa a conscientização pelo fim da violência doméstica contra a mulher. Durante o mês de agosto todas as instituições da rede de enfrentamento realizam ações voltadas para informar a sociedade acerca do tema. E tendo em vista que a violência contra a mulher é uma questão cultural no país, eu entendo que quanto mais conhecimento a sociedade tiver a respeito do tema, mais chances temos de diminuir e até mesmo erradicar este tipo de violência”, explicou a coordenadora estadual da PMP no Tocantins, capitão PM Flávia Roberta.

O comandante-geral da PMTO, coronel Julio Manoel da Silva Neto, ressalta que a Polícia Militar, por meio de seus profissionais, atua diariamente no combate à violência contra a mulher no Tocantins, seja no atendimento mais humanizado de ocorrências desta natureza, seja por meio de ações preventivas e educativas sobre o tema. Coronel Silva Neto destacou ainda a criação e implantação da Patrulha Maria da Penha no Tocantins, a pouco mais de dois anos, sendo esta mais uma ação de apoio às mulheres vítimas de violência, que precisam de amparo para o cumprimento das medidas protetivas de urgência. A PMP atua atualmente na cidade de Palmas, com previsão de implantação em outras cidades tocantinenses posteriormente. Projetos nesse sentido já estão sendo realizados pela coordenação estadual da PMP.

Crédito da foto: Ascom PMTO.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar