Encontro debate Política Nacional de Saúde do Homem

A Secretaria de Estado da Saúde (SES-TO) iniciou nesta quarta-feira, 01, o Encontro Estadual de Saúde do Homem. O evento que ocorre no auditório do Palácio Araguaia é coordenado pela Superintendência de Políticas de Atenção à Saúde e voltado para gestores municipais de saúde, coordenadores de atenção primária e profissionais das áreas da medicina, enfermagem e odontologia, preferencialmente de referência local para saúde do homem.

No encontro são debatidos temas como saúde bucal, nutrição e obesidade, osteoporose masculina, saúde da família, cânceres masculinos, reflexões sobre paternidade, entre outros. “Este encontro foi preparado com muito carinho pela equipe da Diretoria de Atenção Primária da SES. Para nós é uma alegria receber todos os municípios que compõem a macrorregião centro-sul. Esperamos que todos aproveitem e adquiram ainda mais conhecimento durante estes dois dias”, disse a diretora de Atenção Primária da SES-TO, Laudecy Alves do Carmo Soares.

O apoiador da Coordenação Nacional de Saúde do Homem do Ministério da Saúde (MS), Fernando Pessoa, aproveitou o momento para enaltecer as políticas de saúde do homem no Tocantins. “Este Estado é incrível. Parabenizo a lógica de trabalho que o Tocantins adota, os princípios do Sistema Único de Saúde estão no cotidiano da fala dos trabalhadores, o que é um diferencial de todos os estados”.

Segundo o responsável pela Área Técnica da Saúde do Homem, Tárley Abdalla, o evento acontecerá também com foco na macrorregião norte no segundo semestre deste ano. “Nós tivemos proposta para fazer um evento sobre paternidade e cuidado, para alguns municípios, mas achamos pertinente ampliar a vinda de todos os municípios, justamente pelo cenário que enfrentamos da saúde do homem. Queremos que a saúde do homem seja democrática, aberta e acessível”, finalizou.

O evento, que segue até a quinta-feira, 02, conta com a participação de 75 municípios. “Para nós, como serviço de saúde, é importante reconhecer que a política é necessária, para atingir os objetivos, principalmente relacionado à saúde do homem. A capacitação é primordial. Viemos buscar conhecimento para retornar para o município munido e, desta forma, proporcionar o melhor atendimento para o homem”, afirmou o enfermeiro e coordenador da Atenção Básica de Saúde de Dianópolis, Reginaldo Cirqueira.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar