Cirurgias bariátricas são retomadas no Hospital Regional de Araguaína

Tranquila e já na expectativa de uma vida nova, Lindalva Dias de Sousa, de 39 anos, se recupera de uma cirurgia bariátrica, realizada na na segunda-feira, 27, no Hospital Regional de Araguaína (HRA). A paciente foi a primeira atendida na retomada deste tipo de procedimento, na unidade hospitalar, após paralisação,  devido o início da pandemia pela Covid-19. 

“Estou muito grata a Deus por ter chegado esse momento. Eu comecei o programa em 2006, em 2008 parei por complicações na saúde e retornei em 2009, aí não parei mais, entrei na fila em 2016, quando era para eu operar, tive outras complicações e depois veio a pandemia. Quando recebi a notícia, eu fiquei apreensiva no momento, mas depois fiquei tranquila e tudo ocorreu bem”, afirmou Lindalva.

A cirurgia bariátrica, para obesidade mórbida, foi realizada por videolaparoscopia. “A paciente possui comorbidades, mas mesmo com esse quadro tudo correu tranquilamente na cirurgia. É desafiador e ao mesmo tempo gratificante. Estou no programa desde 2019, estamos lutando contra as dificuldades que existem, em relação a equipes, que agora estão sendo sanados com a contratação de mais médicos para realizarmos com êxito as cirurgias. Esperamos operar pelo menos um paciente por semana, para podermos zerar a fila do HRA”, disse o médico especialista em cirurgia do aparelho digestivo, Tarik Suleiman.

A Secretaria de Estado da Saúde (SES-TO) e a direção do HRA têm se empenhado para a realização das cirurgias. Foram contratados, o cirurgião do aparelho digestivo, Dr. Agamenon Dias e o cirurgião geral de  videolaparoscopia,  Dr Gabriel Nunes.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar