Pela primeira vez no Jalapão, projeto Ligados inicia atendimentos dia 29 em São Félix

O município de São Félix do Tocantins recebe, nos dias 29 e 30 de junho, o Projeto Ligados. Pela primeira vez no Jalapão,  o projeto conta com ações educacionais e culturais, além da distribuição gratuita de lâmpadas de LED para famílias de baixa renda.  


“O Projeto chega à região no período em que a comunidade quilombola Prata se prepara para realizar a tradicional Festa da Rapadura, que promove um movimento mais intenso na cidade. Este é um momento importante para o projeto, pois levar o caminhão Nossa Energia ao Jalapão só confirma nosso compromisso em atender todas a localidades do Estado”, explica o analista de eficiência energética, Domingos Júnior.  


“O Projeto Ligados é um braço do Projeto Nossa Energia, que está em execução desde o início do mês de junho e já atendeu seis municípios com a doação de mais de quatro mil lâmpadas. Esta semana, finalizando a programação do mês, atenderemos Xambioá e São Félix do Tocantins simultaneamente.” reforça o analista. 


Além da troca de lâmpadas fluorescentes e incandescentes pelas de LED, a programação do projeto conta com a disseminação de informações sobre consumo consciente de eletricidade, realização de palestras educativas e de sessões de cinema gratuito para a comunidade. Com o Ligados, essa programação é ampliada para ofertar, também, apresentação teatral para a comunidade.  


Em junho, os municípios de Itapiratins, Chapada de Areia, Gurupi, Araguaína, Novo Acordo e Augustinópolis já foram beneficiados pelo projeto. “Neste período em que o calor se intensifica, nosso objetivo é levar conscientização sobre o uso racional da eletricidade e sobre o Tarifa Social, programa do Governo Federal que possibilita desconto na fatura de energia para famílias de baixa renda. E, com a troca de lâmpadas fluorescentes e incandescentes pelas de LED, a gente consegue possibilitar mais economia e iluminação de qualidade para as famílias”, afirma Domingos.    
 

Outro ponto relevante do projeto é a disseminação de informações sobre o uso seguro da energia elétrica. “Com as férias escolares, por exemplo, as crianças devem passar mais tempo em casa. Por isso, é importante que as famílias fiquem atentas para proteger as tomadas que não estão em uso e fazer manutenção na fiação, para evitar a sobrecarga elétrica”, finaliza o analista da Energisa.  

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar